Ostentação: até quando?

Bobo é quem pensa que a tal da ostentação surgiu nos dias de hoje, após você ver alguém esbanjar na sua cara a riqueza e…

by 
Bobo é quem pensa que a tal da ostentação surgiu nos dias de hoje, após você ver alguém esbanjar na sua cara a riqueza e o poder que têm. Se a gente parar pra pensar, a ostentação/exibicionismo existe há muito tempo, ainda naquela época da escravidão, quando as sinhás ficavam disputando quem tinha a melhor vestimenta. 
Eu nunca ostentei devido ao fato de ser pobre e não ter como sambar na cara da sociedade. Mesmo se pudesse, acho que não seria uma Val Marchiori da vida ou a louca da Narcisa Tamborindeguy, daquele reality show “Mulheres Ricas”. Não vejo necessidade em sair por aí gritando que “eu sou ryca” [sendo que é notório este fato, néam? #aloukan]. 
Infelizmente, com o passar do tempo tudo mudou e o mundo modernizou. Não se ostenta apenas com roupas, mas também com carro, celular, casa, viagens e o que aparecer pela frente.
Convivo diariamente com um grupo de pessoas ostentadoras, que passam grande parte do tempo querendo mostrar na internet suas “riquezas”: tem o menino da faculdade que tem um iphone 5s e 6 plus, que faz questão de colocar os aparelhos sob a mesa junto com a chave do HB20; o ex-patrão do mundo da imprensa que me deve R$ 70 há 2 anos, mas não sai das baladinhas da cidade e uma colega que vive no salão de beleza, mas até hoje não rebocou as paredes da sua casa. #prioridades.
A lista de ostentação que vejo por aqui, no meu mundo real, é imensa. Graças a Deus eu tenho os meus pés firmes e a certeza de que a gente não precisa mostrar pro mundo (todas) as nossas conquistas. Melhor mesmo é fazer como os meus parentes rycos: foram à Paris e nem uma foto postaram nas redes sociais, pois, como eles dizem, o objetivo principal da viagem era conhecer o local, não ficar atualizando as redes sociais, já que eles têm o ano inteiro pra isso. #exemplodeostentação
Se você é uma dessas pessoas ostentadoras, desculpa. Não quero e nem tenho o direito de criticar o seu modo de vida, apenas não entendo a necessidade de ficar nas redes sociais (oi, Snapchat?) compartilhando cada segundo do seu dia, como se fosse a Beyoncé ou algo do tipo.

Menos, gente. Vamos baixar a bola e agir com mais humildade, porque né… 

 Um beijo!

30 comments

  1. concordo com você, esse lance de ostentação já ta enchendo um pouco, também não guento esse povo que posta tudo o que tem e o que faz nas redes sociais, mas fazer o que né, nem todo muno tem bom senso e humildade.

    entrevereviver.blogspot.com.br/

  2. Sou o mesmo caso que você, sou pobre então não tenho o que ostentar HAHAHAHAHAHAH E pelo contrário, adoro divulgar coisas baratinhas que comprei, sabe? Acho mara isso! E geeente, esse reality que tinha HAHAHAAHHAHAAHHAH ERA MUITO DOIDO! Essa mulherada era louca demais da conta! E eu concordo, a gente tem que compartilhar as coisas sim, mas com moderação né? A gente que tem blog acho que compartilha um pouco a mais, mas mesmo assim dá pra ser normal, né? Não precisa ser que nem esses seus colegas que curtem chamar a atenção (porque pra mim é isso que eles querem). Beijossss!
    amandapaduan.com.br

  3. Eu acho desnecessário fica se mostrando por coisas matérias, quando o que faz a pessoa mesmo é o seu caráter e não qual tipo de carro tem ou qual loja costuma comprar roupas. Sempre tive uma boa condição dentro de casa, tenho carro e celular bom e nem por isso fico me exibindo na internet, pois como disse, acho desnecessário. Mas, cada um sabe o que faz da sua vida né?! Rs
    Beijos!

  4. Olá, Adriel! Tudo bem?

    Acho legal a pessoa postar uma foto fazendo algo legal como uma viagem, indo a um restaurante mega caro, mas acho legal quando não noto cerro grau de "ostentação." Quando isso se torna o foco do instagram ou de facebook se torna algo ridículo. Pois as pessoas que vivem esse estilo e vida nem notam, mas acabam só trazendo à tona suas coisas materiais, esquecendo quem são de verdade.
    Até mais. realidadecaotica.blogspot.com.br/

  5. Olha, não vou falar que nunca ostentei nada na internet porque estaria mentindo. Já ostentei piscina em um dia de calor, sabe como é. Mas tenho meus limites e sou preguiçosa para postar as coisas em redes sociais hahahahaha Acho besteira também ostentar tudo, ninguém precisa saber quanto eu ganho e como é minha vida e tals.
    Beijos! =**

  6. e olha, isso tem muito no mundo dos blogs e principalmente no youtube! não só em maquiagem não viu, mas também livros, acredite 🙁

    pe-dri-nha.blogspot.com

  7. Também não gosto de ostentação, mas seria pedir muito ter a conta bancária da Narcisa? hahah Enfim, super te entendo, na minha antiga escola também tinha um grupinho que adorava ostentar os iphone's, várias fotos nas baladinhas e de bebidas, coisas completamente desnecessárias. Ultimamente não tô ostentando nem comida, tá difícil a vida UAHAUHAUA

    Bjs
    oh, wow, lovely ❁

  8. De fato, o caso é que isso tem causado a perda da humildade, de prioridades (como você citou) – o que desencadeia na falta de autoconhecimento e bom caráter, dependendo dos graus de importância -, e até de vida! Exibindo, alguns esquecem de viver o que tem, o momento, as companhias. São fatores tristes desenvolvidos, principalmente, por essa "necessidade" de ostentação. Mas o que fica no final é o legado, quem lembra disso, ganha imortalidade. Quem só lembra de ostentar, vai embora de vez quando for. É aí que mora o segredo a ser lembrado.

    SEMQUASES.COM

  9. Eu tinha uma amiga que só gostava dos "novinhos" e DEUS ME LIVRE ficar com um garoto feio, hoje ela é casada com um cara podre de rico de quase cinquenta anos… é realmente difícil de acreditar que foi por amor. O mais ruim é que, há um tempinho, ela me contatou e tentou engatar a amizade novamente, mas vi que o dinheiro já havia subido para a cabeça porque, juro, a maior parte da conversa foi ela me mostrando a casa nova e tudo o que ela já tinha conquistado, mas não daquele jeito bom, sabe? Mais daquele jeito "eu tenho e tu não" aquilo foi de dar pena e eu resolvi cortar relações de vez. Prefiro mil vezes o meu namorado lindo que não é rico nem nada mas que me ama e eu o amo também do que ficar com um velho estranho só por causa do dinheiro.

    Amei o post, como sempre! <3

    Abraço,
    literarizei.blogspot.com

  10. E às vezes a ostentação toma proporções preocupantes quando a pessoa "ostenta" relacionamentos amorosos e coisas desse tipo.
    Ou então posta fotos da sua vida privada para mostrar para os outros o quanto é feliz.
    Acho que o ser humano sempre teve essa ânsia de se vangloriar de qualquer coisa e a internet está sendo usada para fazer isso em nível estratosférico!

    Beijos

    ooutroladodaraposa.com.br

  11. "Eu nunca ostentei devido ao fato de ser pobre e não ter como sambar na cara da sociedade".. "o ex-patrão do mundo da imprensa que me deve R$ 70 há 2 anos".

    MORTA, HAHAHAHAHAH!

    Excelente reflexão, tratou com descontração um tema tão presente em nossas vidinhas. Também acho um saco quem se mostra demais, tanto os atributos físicos quanto financeiros HAHAH. Não sou obrigada a ver cada parte do corpo em pose estratégica, o café da manhã, o jantar, o drink com a vodca mais cara e afins. Não sou meissshmo hauehaue.

    Adoreiii!

    ;*

    Faroeste Manolo
    Página Facebook

  12. Bom, tamo junto porque também não tenho condições de ostentar e se tivesse ficava na minha, quer dizer… Eu amo tirar foto, não posto tudo o que faço, só as melhores partes, só ostento a natureza, mas ela é grátis, é então eu não ostento nada kkkkkkkk

    charme-se.com/

  13. Oi
    adorei essa poste e a frase Eu nunca ostentei devido ao fato de ser pobre e não ter como sambar na cara da sociedade" é totalmente eu. Tem gente que ostenta e que devendo até alma as vezes para ter um carro chique, uma amiga minha me falou ela trabalha no fórum e as vezes comenta do povo que ostenta mais deve para caramba, pior que eu conheço gente que ostenta sem ter, usando as coisas dos amigos.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

  14. Acho que esse povo que vive ostentando, também vive constantemente infeliz e acha que mostrar pro mundo o que tem, traz algum conforto pra si. Deve ser problema psicológico também desse povo que vive ostentando relacionamento, tipo: #1mês, #2meses e por ai vai, afff.

    Boa tarde,

  15. Essa gente que mostra a vida toda nas redes sociais me irrita. Não conheço ninguém que ostente bens materiais, pelo menos no meu círculo de amizades e de conhecidos, mas deve ser bem chato também.
    Beijos
    Bluebell Bee

  16. hahahahaha. ngm é verdade. todos nós somos livres, mas, né… sempre tem aqueles que gostam de sofrer vendo a 'ryqueza' alheia. uma pena! =/

  17. siiiiim, Denise! sempre tem aqueles que não têm nada, mas gosta de ficar pegando as coisas alheias, né? principalmente o celular (tipo o iPhone 6 Plus 64GB) do amigo. 😛

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.