Vai com calma!

Quando a gente conhece alguém, acreditamos que agora é pra valer. Criamos tantas teorias e expectativas de que, finalmente, a felicidade aparecerá na nossa vida….

by 

Quando a gente conhece alguém, acreditamos que agora é pra valer. Criamos tantas teorias e expectativas de que, finalmente, a felicidade aparecerá na nossa vida. Ledo engano, viu? Nada disso aconteceria se encarássemos a chegada de um novo alguém como apenas-a-chegada-de-um-novo-alguém.

A arte de ser conquistado é uma das melhores, vai por mim! Porém, a gente não espera ser conquistado; nós queremos é chegar chegando com tudo na vida da pessoa. Resultado: frustração, pois nem sempre outro está disposto a se abrir pra uma nova relação.

O que nos resta é ir com calma!

Se alguém interessante aparecer na sua vida, apenas curta o momento e se permita conhecer a pessoa; saber quais as qualidades, defeitos, o que amamos ou detestamos nela. A parte chata é que só vamos dar de cara com os “problemas” após já estar 100% morrendo de amor por alguém que, sério!, não merece nem atenção.

É necessário realizarmos um processo na hora de conhecer alguém. A gente tem que parar pra se questionar se a pessoa é ideal, se preencherá por completo o vazio que existe no nosso coração… Infelizmente, só reparamos se é bonita e pronto. Bastou beleza pra fulano ser o candidato ideal pra ficar ao nosso lado durante a vida inteira.

Eu fui/sou assim! Admiro primeiro a beleza pra depois partir pro caráter. Isso é ridículo! Estou tentando diariamente abandonar esses hábitos pra poder ter uma vida mais tranquila e me relacionar melhor com as pessoas.

Chega de admirar só beleza! O exterior de alguém não é mais importante do que o interior, bondade e gentileza. Permita-se conhecer o interior de alguém antes de reparar apenas um rostinho/corpinho bonito. 😉 

One comment

  1. Eu sou super a favor de a gente botar os pés no chão e ver a pessoa como ela é, e não como a gente quer que seja… Mas também sou contra a ideia de que não podemos criar nenhuma expectativa. Claro, não se deve VIVER na expectativa, tem que ir com calma e carinho, mas também… Dá pra querer manter a pessoa na nossa vida, né? Se ela for embora, ok, a gente supera, mas se ficar melhor ainda, afinal!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *