free hit counter

Um passeio pelo Goiás

Um lugar encantador para conhecer com a família. Mas, no meu caso, fui sozinho mesmo e adorei!

by 
Beco da Codorna, localizado no Centro de Goiânia.

Yay! Finalmente realizei um desejo que há muito tempo guardava no meu coração. SIIIM! Eu conheci uma cidade grande e saí pra fora do Tocantins!!!

O destino da vez? Fiz uma rápida tour pela capital do estado de Goiás, passeando por Goiânia e descobrindo um pouco de tudo o que aquela cidade linda tinha a oferecer. Visitei museu, parques, shoppings e ainda fui ao Show do Nx Zero. Mas sobre esse show eu faço um outro post mais pra frente.

O COMEÇO

Se você nunca saiu do interior, deve ter aí no seu coração aquele desejo de conhecer esse mundão de meu Deus. Por muito tempo eu nutri esse sentimento, até decidir que era hora de conhecer tudo o que o mundo tinha a me oferecer.

Foi assim que uma amiga me falou que o NX Zero estaria no Goiás fazendo um show da tour de reencontro deles. Decepcionado por não ter conseguido ingresso pra ver RBD, topei na hora.

Ingresso comprado e muita coisa pra planejar, abri um bloco de notas e comecei a fazer orçamentos.

ESTADIA

Não conhecia ninguém em Goiânia (continuo não conhecendo, mas as ruas, as lojas, as paisagens… Tudo isso já meio que são meus parceiros e fez essa experiência linda, me fazendo sentir cidadão goiano). E como não conhecia ninguém, me joguei no Google à procura de hotéis que ficassem perto do local do show.

O escolhido foi o Oft Place Hotel, localizado na Av. Anhanguera, no Centro. As 3 diárias saíram menos de R$ 400 e o local era perto de muitos pontos turísticos, que davam pra fazer à pé mesmo.

Recomendo muito o local e confesso que dei prejuízo no café da manhã. Mas esse foi o conselho da minha psi, pois só assim pra economizar na hora de comer fora. Em resumo, encha a barriga no café da manhã, pule o almoço e coma à tarde. #DeuCerto

PASSEIOS

Se eu fechar os olhos agora, sou capaz de sentir exatamente o mesmo quando vi tantos prédios, trânsito lotado e a diversidade de gente. Andar pelas ruas e ver roqueiros, gente com estilo alternativo… Eu me senti incluso na cidade, sabe?

Outra coisa que me ganhou foi a educação das pessoas. Tão solicitas, queridas, bonitas… E ainda tem o sotaque, né? Bão demais!

Os locais que visitei foram: Universo dos Livros (livraria bem humilde), Beco da Codorna (espaço de grafites), Praça Cívica (uma das maiores da America Latina), Museu Pedro Ludovico (fundador da cidade de Goiânia), Bosque dos Buritis, Shopping Flamboyant, Feira 44, Goiânia Arena, Parque Zoológico de Goiânia, Shopping Passeio das Águas.

Bosque dos Buritis (o “Central Park” de Goiânia)
Ainda no Bosque dos Buritis. Um parque lotado de prédios ao redor.
Parque Zoológico de Goiânia
Lookinho pra ir ver os animais.
Mais detalhes do lookinho. 😂

Queria ter visitado mais lugares, mas minhas pernas estavam muito cansadas. Fiz muita tour à pé, porque via no mapa tudo “perto”. Realidade: tudo muito longe. Mas, né, pelo menos me senti cidadão goiano. RISOS.

RESUMO DO RESUMO

Essa foi uma experiência tão maravilhosa que PRECISO viver novamente o mais rápido possível. Quando me diziam que viajar virava vício, não imaginava que era um vício tão bom como agora.

Tenho alguns locais em mente, mas meu coração continua me chamando pro Goiás. Sério, a conexão criada foi muito boa. Talvez isso mude quando conhecer outros estados. Mas, por enquanto, vou continuar guardando na mente esses momentos tão incríveis.

Uma viagem pra cidade grande. Sozinho. O Adriel de 15 anos sonhou tanto por isso e só após quase 15 anos realizou. Certeza que ele está orgulhoso de si mesmo, porque eu estou maravilhado com tudo isso.

Voltando pra casa bem nostálgico e com muitas memórias.

Só gratidão a Deus por tudo e por ter aberto todos os caminhos pra isso acontecer. Às vezes nem eu mesmo acredito que foi tão real assim. #Gratidão

4 comments

  1. Como é ótimo realizarmos sonhos, não é mesmo? Parece que foi uma viagem incrível e marcante.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA está em HIATUS DE INVERNO do dia 21 de agosto à 14 de setembro, mas comentarei nos blogs amigos nesse período. O JJ, portanto, está cheio de posts legais e interessantes. Não deixe de conferir!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *